domingo, 24 de setembro de 2006

Festa de Santo António no Porto dos Biscoitos

Como habitualmente, está a realizar-se neste fim-de-semana do último domingo de Setembro a Festa de Santo António na zona do Porto dos Biscoitos.
Este ano os mordomos são os senhores Manuel e Délio.

PROGRAMA OFICIAL
A noite de ontem foi animada por um artista brasileiro.
Hoje, pelas 11 horas teve lugar a Missa solene, celebrada pelo Reverendo Padre Ricardo Toste na Ermida de Santo António. Seguiu-se a Procissão até ao Porto de Pesca, com a presença de ambas as filarmónicas locais (Filarmónica Progresso Biscoitense e Filarmónica Recreativa Biscoitense).





Neste momento deve estar a terminar a tradicionalíssima "Tourada do Porto", com touros da Ganadaria Eliseu Gomes.

O PROGRAMA PARALELO
Aproveitando as estruturas montadas para o Festival Abismo 2006, a "Celeiro Produções" levou a efeito ontem, no Parque de Campismo dos Biscoitos, um espectáculo cujo cartaz principal foram os continentais M.A.U..
Também contribuíram para a animação da noite os Dj's Ska e Bruno e o mc Blue.

GENTE DE TODA A ILHA
Esta é uma festa que atrai pessoas de toda a ilha, existindo inclusivamente grupos e instituições que tradicionalmente realizam excursões aos Biscoitos neste "Domingo do Porto", como é caso da Junta de Freguesia da Terra-Chã, por exemplo.

POLÉMICA SOBRE A RESERVA DE ESPAÇOS
Vários foram os ecos que surgiram na comunicação social cerca de dez dias antes destas festas dando conta da insatisfação dos biscoitenses acerca da marcação de lugares com vista à sua utilização no "Domingo do Porto".

A 14 de Setembro o "Diário Insular" (DI) apresenta este assunto no espaço principal da sua primeira página, noticiando o seguinte: "A orla marítima dos Biscoitos está a ficar cheia de lugares marcados por centenas de pessoas de dentro e fora da freguesia que querem garantir os melhores lugares com vista a assistirem à tourada do Porto e, ao mesmo tempo, obterem de forma indevida um “poiso” onde permaneçam um fim-de-semana com tamanho suficiente para receberem a família e os amigos. Segundo o presidente da Junta de Freguesia, Carlos Cardoso, trata-se de “uma coisa muito mal feita, apesar de ser assim há anos”. Em declarações ao DI, o autarca afirma-se “totalmente contra”, ao mesmo tempo que é da opinião de que “as autoridades devem, sem grandes alardes”, acabar com a actual situação, que, por vezes, assume contornos “muito evidentes” de vandalismo, para além do abuso que é assumir como de sua propriedade para uso exclusivo espaços públicos. Carlos Cardoso disse à nossa reportagem que as pessoas chegam a deslocar-se propositadamente aos Biscoitos para demarcarem os seus espaços e usam as mais diversas tintas escrevendo a palavra “reservado” no chão que é público e ninguém faz nada para acabar com esta situação. “Há muita falta de civismo e egoísmo em relação ao que se vem passando nos Biscoitos, porque se trata de um dia em que toda a ilha Terceira gosta de frequentar aquela freguesia e só o facto de as pessoas estarem a marcar lugares, seja de que forma for, é ilegal e essas marcações não têm qualquer validade e é importante que isto seja dito”, afirma. “Ninguém deu licenças a ninguém para marcar “cadeiras” seja onde for, pelo que todos podem estar onde bem entenderem dentro das regras do civismo e do respeito mútuo”, afirma o autarca local, adiantando que, “até no que se refere às tintas usadas, estas são proibidas pela lei que rege os riscos nas estradas para as touradas à corda, onde apenas a cal é permitida”. A verdade é que, lado a lado com registos de pinturas recentes, podem ser vistos no chão de toda a orla marítima, na área do Porto dos Biscoitos, registos de pintura de há vários anos e há quem diga que as mesmas pessoas os dão como certos para o ano seguinte. Este ano e em anos anteriores já se deram algumas cenas de agressões que, “para além de serem pouco dignas, seriam evitáveis se houvesse bom senso e as pessoas fossem aos Biscoitos tal como acontece com todas as outras touradas”, sustenta Carlos Cardoso."

Segundo a reportagem do "DI", que refere ter ouvido muitos biscoitenses, "todos, sem excepção, se mostraram contra a actual situação que se vive, “desde sempre”, em relação aos dias e semanas que antecedem a tourada do Porto."

O mesmo jornal informa que "a Polícia de Segurança Pública, na parte que lhe cabe, ou seja, nos espaços “do lado de terra” da zona marítima dos Biscoitos, vai começar a actuar ainda hoje, mandando retirar paletes que se encontram espalhadas em alguns sítios com a finalidade de marcar espaços. Esta atitude, segundo nos foi dita, é aplaudida pelos populares e pela autarquia local dos Biscoitos. (...) Em relação à tourada do Porto dos Biscoitos, o comissário Carlos Raposo afirma que as pessoas que conspurcarem com tintas ou de outras formas o espaço público na sua zona de jurisdição serão autuadas de acordo com a lei."

Na "Primeira Coluna" desta mesma edição pode ler-se, a este propósito, e referindo-se o saudável "apetite insaciável dos terceirenses pela festa", que "nestas coisas há sempre quem queira manchar a pintura, se ache mais esperto do que os outros e, eivado de egoísmo tamanho, resolve perturbar a paz e concórdia que deveria ser apanágio desses dias. Está a repetir-se, de ano para ano, nos Biscoitos, agora que estamos a semana e meia da festa rija, e que tem a ver com a reserva de espaços que alguns fazem para se instalarem no dia da tourada do porto. Pintam marcações a tinta no asfalto, fincam estacas, delimitam com calhaus, demarcam o território para montarem o seu poleiro. Tais atitudes estão a indignar a população local que promete organizar-se e tomar a coisa a peito. Festa e civismo devem andar de braço dado e se os nossos direitos têm a ver com os direitos dos outros, não faz sentido criar conflitos quando o clima é de festa e os espaços em questão são de todos. Faz lembrar um pouco as cadeirinhas nos passeios de Angra em dia de cortejo. Só falta que as reservas sejam feitas por risco a tinta branca feito na calçada."

Outra curiosidade é o facto de hoje mesmo termos observado a existência de "cerrados" privados a serem utilizados como parques de estacionamento pago (entre 2 e 3 euros, consoante a distância a que estão da zona do Porto). Esta é sem dúvida uma expressão da "sociedade de mercado" em que vivemos, apesar de contrastar com outras ocasiões e outras localidades em que em contexto de festividades os cidadãos cedem espaços idênticos a estes para estacionamento gratuito.

SEGURANÇA REFORÇADA
Tal como no fim de semana anterior, aquando da realização do Festival Abismo 2006, a operação de segurança montada para estas Festas do Porto 2006 implicou a proibição de estacionamento nalgumas vias, como é o caso da Canada do Porto. Segundo conseguimos apurar esta medida relaciona-se com a garantia de existência de "corredores de segurança" por onde poderão circular veículos de emergência, em caso de necessidade.

Nota: Agradecemos a Luzia Cordeiro Rodrigues a gentil cedência de fotografias (todas as publicadas à excepção das que estão identificadas com outra autoria).

Faz hoje um ano que publicamos:
Festa na Rua dos Boiões

26 comentários:

Anónimo,  24/9/06 21:00  

muito obrigado pelas bem tiradas fotos da festa do porto.As da procissão de santo antónio fiquei baralhado ou melhor sem saber identificar o local.Não deve ser na canada pois não tem vinhas mas cerrados abandonados.Será que abriram nova rua?
As casas do porto muito bem arranjadas e penso que a do carro da policia é na canada do porto.será?
Muita coisa mudou desde que saí daí.
As fotos não mostram os toiros mas não faz mal. Quando estava aí ia aos toiros e não os via.Era na casa de uns e doutros e vinha para casa que parecia ter levado uma esfrega do toiro.Mas estes eram outros uns branquinhos e alguns de cheiro.
Gostei de ver.Matei saudades. Obrigado a quem tirou as fotos e ao dono deste blo.

Manuel Soares Cardoso

Luzia Cordeiro Rodrigues * luzia.blog@gmail.com* 24/9/06 21:55  

Sr. Manuel Cardoso, a rua que aparece nas fotografias é a Canada de Santo António.

Luzia Cordeiro Rodrigues * luzia.blog@gmail.com* 24/9/06 21:56  

Devo confessar que fui eu que cedi as fotos, mas quem as tirou foi o meu querido marido.

Anónimo,  25/9/06 11:28  

Muito muito obrigado pelas fotos um espetaculo.Obrigado ao professor Almeida e ao casal Cordeiro.

Justino

Anónimo,  25/9/06 13:35  

Pelas fotografias dá para perceber que se trata de uma festa de pescadores com a tradional benção das embarcações, imagens sempre impressionantes.

Pescador

Por entre a cerração, veloz e peregrina,
A barca vai singrando o mar enfurecido,
Co'a vela desferrada ao sopro enraivecido.


No emtanto, o pescador possante se reclina
E-filho do oceano em meio ao mar crescido-
A cabeleira ao vento, altivo, destemido,
Co'o forte forte olhar brilhante a vastidão domina.


E vai, calmo, cantando,a tentear o leme,
Enquanto, à roda, o mar soturno e rude geme
E, abrindo a enorme foice, ameaça o devorar...


E sente o pescador na cava melopéa
Uma doce, divina e tremula epopéa,
E no dançar do oceano um grato acalentar.

Tobias Moscoso (Rio de Janeiro)

Anónimo,  25/9/06 21:27  

Espaços reservados...também pela P.S.P. em todas as touradas à corda! Um bom exemplo?

Anónimo,  27/9/06 14:41  

Ai a Festa do Porto! Tanta coisa aconteceu.Um grande dia (24 horas)com pequeno almoço que serviu de ceia.
Bom Blog sim senhor.
Voltarei.

Cipriano (o feiticeiro)

Anónimo,  27/9/06 17:21  

Quanto aos espaços reservados quando é que a camara da praia, policia e junta de freguesia fazem alguma coisa??é semp a mema coisa todos os anos e ninguém faz nada fogo presidente de junta na é aquele que vai alcatroar as ruas 4 dias antes das eleições mas sim quem promete as coisas e as vai fazendo...

Anónimo,  27/9/06 19:48  

O país da fantasia.-Mab, a deusa dos sonhos, encantando-me com o seu sorriso mágico, mostrou-me sobre um imenso deserto de areia, onde o olhar se sentia tanto mais fatigado quanto mais transparente era a atmosfera, um saboroso oasis de verdura. Vi coisas deslumbrantes: fontes que corriam cantando ternas melodias, pássaros que voavam(se calhar também porcos!?) cortando o espaço com asas de luz, flores que desabrochavam palpitantes de vida como beijos em lábios ardentes de volupia.
-É o país da fantasia, que exalta a imaginação e inflama o coração dos sonhadores; mas contenta-te com admirar aquelas deslumbrantes maravilhas, não tentes colhe-las; elas despareciam por encanto,deixando tudo triste e vasio.
O que me dizia Mab realizou-se.Procurei apanhar uma flor, que parecia um mosaico aerio, e a flor sumiu-se em meus dedos sem deixar vestígios de perfume!

Artur Orlando

Anónimo,  30/9/06 14:18  

Enigme

Je sui Martin, le pècheur,
Qu'à la mer s'en va toujours...
Et cependant le facteur,
Qund d'un lettre est porteur,
Me dit:-«Mon oiseou, bonjours».-


Et alors moi,- ça m'etonne-
Je ne peux pas me fachêr,
Parcequ'ainsi il donne,
-Faceur, qu il est, le bonhome-
Le nom seul de mon mètier.

J.L.P.F. (Lx)

Anónimo,  1/10/06 20:16  

Logogrifico

Esta dama divertida-4,3,6,1
Tinha riquezas,valia,-2,4,5,6,3
Mas poucas vezes na vida-4,1,5,6,3
Ao templo se dirigia.-6,5
Pede um dia com fervor-3,4,1,2,1,3
Certo fruto que eu comia-1,4,1,2,1
P'ra ela tinha valor-2,1,2,3
Para mim nada valia-2,1,2,3

Passaram meses, um ano
Nunca mais n'ela pensei,
Quando em ilhas do oceano
Com ela desembarquei.

Pescador Açoriano
(Angra do Heroìsmo)

Anónimo,  2/10/06 10:38  

Charadas

N'um montão de coisas, eu fui encontrar as aves cobertas com um gabão velho e curto. - 2,8
A planta foi encontrada, pela mulher, n'uma freguesia da Ilha de S. Jorge dos Açores -2,2

J.V.Vasconcelos

José Aurélio Almeida 7/4/07 17:44  

Caro Manuel Soares Cardoso:
Pela nossa parte ficamos satisfeitos por esta simples reportagem o ter agradado.
Em relação às mudanças realmente muitas coisas estão diferentes: menos videiras, mais faias; menos vinhas, mais casas.

José Aurélio Almeida 7/4/07 17:45  

Cara Luzia e Caro Miguel:
Mais uma vez expresso os meus agradecimentos pelas fotos e, no caso, também pelos esclarecimentos prestados.

José Aurélio Almeida 7/4/07 17:47  

Caro Justino:
Pela nossa parte não tem que agradecer.
Estamos cá é para divulgar a freguesia dos Biscoitos, na medida do que podemos.

José Aurélio Almeida 7/4/07 17:48  

Caro Tobias Moscoso:
Percebeu bem o contexto da festa.
Agradecemos os belos versos.

José Aurélio Almeida 7/4/07 17:53  

Caro Anónimo - 25/9/06:
Pertinente comentário.
De qualquer forma não é porque a PSP faz que os outros devem fazer.
Como também muitas vezes é verdade o inverso. A título de exemplo: não é por a maioria dos agentes da PSP não usar cinto de segurança nos veículos em que circulam que os cidadãos devem fazer o mesmo (até porque se arriscam a valentes multas - os segundos, claro).

José Aurélio Almeida 7/4/07 17:53  

Caro Cipriano:
Ainda bem que apreciou a festa e o blog.
Volte sempre.

José Aurélio Almeida 7/4/07 18:03  

Caro Anónimo - 27/9/06 17:21:
Parece que nesta edição de 2006 as autoridades actuaram em relação a tentativas de reserva de espaços do domínio público.

José Aurélio Almeida 7/4/07 18:05  

Caro Artur Orlando:
Que original o seu texto.
Brinde-nos com mais se faz favor.

José Aurélio Almeida 7/4/07 18:09  

Caro J.L.P.F.:
Se já em português não somos prodígio nas artes enigmáticas então em qualquer outro idioma ainda menos capazes nos revelamos.
De qualquer forma fica o desafio para quem nos visita.

José Aurélio Almeida 7/4/07 18:14  

Caros Pescador Açoriano e J. V. Vasconcelos:
Infelizmente não estamos ao nível de descortinar as soluções de lologrificos e charadas como as vossas.
De qualquer deixem partilhar que o assunto da pesca associado a São Jorge nos provocam memórias muito belas, de saudosa recordação.

José Aurélio Almeida 25/4/07 12:48  

Caros Visitantes:
Finalmente foram publicadas fotografias da Tourada do Porto 2006. Ver em http://biscoitos-terceira.blogspot.com/2007/04/tourada-do-porto-2006-as-fotos.html

ANTONIO LOPES 16/4/10 17:21  

Caros (as) amigos (as);

PROPOSTAS DE ESPECTÁCULOS:


LUCAS & MATHEUS (dupla brasileira)
18 anos de carreira em Portugal. Brevemente no mercado o 18º cd (editora Espacial).
Espectáculos em playback (com ou sem bailarinas) ou com banda (12 pessoas em palco, 8 músicos, 2 bailarinas e a dupla).
Romantismo quanto baste, mas fundamentalmente a animação com as canções mais ritmadas.
Os concertos são simplesmente fabulosos.
Site:
www.lucasematheus.com


LÉO & LEANDRO (dupla brasileira)
3 anos de carreira em Portugal. Brevemente no mercado o 3º cd (editora Espacial).
Espectáculo em playback (com ou sem bailarinas) ou com banda (10 pessoas em palco, 6 músicos, 2 bailarinas e a dupla).
Romantismo quanto baste, mas fundamentalmente a animação com as canções mais ritmadas.
Os concertos são surpreendentes.
Site: www.leoeleandro.com.pt


BANDA CORAÇÃO SERTANEJO
Um grande projecto. Sairá brevemente o seu 1º cd editado em Portugal pela editora Espacial. Na linha das bandas brasileiras Calcinha Preta e Calypso, pretende ir de encontro ás pretensões do nosso mercado. Animação total, com repertório próprio e também interpretando os grandes sucessos da música do Brasil. O cd será composto por 12 canções inéditas abarcando diversos estilos, tais como: FORRÓ, CARIMBÓ, CALYPSO, BAIÃO, SERTANEJO, etc.
A banda será composta por 6 músicos, um casal de bailarinos (trajados a preceito), um vocalista e uma vocalista. Um concerto imperdível.
Site: brevemente

AGRUPAMENTO MUSICAL IVASON
Formado há 10 anos, com 9 cd´s editados lançarão brevemente o 10º através da editora Espacial, composto por 12 canções inéditas.
A música de baile no seu estado mais puro, 100% portuguesa. Na melhor tradição do bailarico de aldeia, são 3 horas consecutivas de temas só para dançar sem parar.
Esta banda é das mais solicitada para actuações em festas populares, o que atesta de facto a sua qualidade e prestígio.
Site:
www.ivason.com

Nota: Aguardo o vosso contacto para mais informações.

ANTÓNIO LOPES (913729192/960195669/email:
antonio.alproducoes@gmail.com)

Karice Delgado 26/8/15 16:52  

Boa tarde Luzia...Gostaria que entrasse em contacto comigo pois tenho uma encomenda que julgo ser sua...obrigada karicedelgado@yahoo.com

Karice Delgado 26/8/15 16:53  

Boa tarde Luzia...Gostaria que entrasse em contacto comigo pois tenho uma encomenda que julgo ser sua...obrigada karicedelgado@yahoo.com

Biscoitos, Praia da Vitória, Ilha Terceira, Açores, Portugal

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP