sexta-feira, 24 de março de 2006

Ausência temporária

Apesar de estarmos sem publicar apenas há alguns dias, o sentimento de vazio e de incumprimento perante os nossos visitantes é avassalador.
Assim, introduzimos esta nota para explicar que esta interrupção se fica a dever a compromissos académicos incontornáveis e que muito em breve retomaremos a publicação de artigos bem como procederemos às devidas respostas aos comentários, visto que também nesse campo estamos em falta.
Agradecemos a vossa compreensão.

26 comentários:

Anónimo,  25/3/06 17:32  

Parte do grupo que veio à ilha da Terceira numa acção de formação, ao ser informado da existência deste Blog, deixa aqui um grande obrigado a aqueles e também a aquelas que com simpatia e já amizade nos acompanham nestes dias. Gostamos muito dos Biscoitos e de um modo geral de toda a ilha Terceira.
Agradecem:
Rodrigo,Florência, Matilde, Longuinhos,Ciríaco,Patrício, Gabriel, Gertrudes,Narciso, José, Martinho, Bento e o Agapito.
Cumprimentamos também o responsável por este bem conseguido Blog.

Anónimo,  27/3/06 13:02  

"Compromissos académicos incontornáveis"
Pois muito bem, neste fim de semana, e sei bem do que falo, já se deram notas a quase todos os alunos da EBI dos Biscoitos. Há reuniões que ainda se vão realizar esta semana e já se encontram assinadas as actas. Há testes por dar, mas os alunos já se encontram avaliados com nota atribuída. Ainda não acabou o período mas o registo de faltas já se encontra lançado, o que equivale a dizer que as faltas desta semana já não contam. As reuniões de avaliação só se realizam no final de cada período, não é verdade! O 2.º período acaba a 31 de Março e uma semana antes já há notas dadas, reuniões realizadas, actas assinadas, faltas lançadas... Que absurdo, MEU DEUS! Se ainda se começasse a avaliação a partir do dia 1 de Abril, ainda vá que não vá! Mas antes de acabar o período... isso acho inacreditável! Os professores que me desculpem, mas eu também tenho notas para dar, vou para o continente como os colegas... mas vou só quarta-feira à tarde ( 5 de Abril). Também gostava de viajar dia 31 de Março ou dia 1 de Abril, ou então como alguns que já vão 5.ª feira. Mas sou professor!
Esta nobre missão necessitava de um pouco mais de... Cada um que decida o que achar melhor, pois os C.E. o que querem é as notas dadas!

Anónimo,  27/3/06 16:30  

Atenção: O artigo anterior não é de professor, deve ser de professora cá da casa. Sua bufa!

José Aurélio Almeida 27/3/06 17:00  

Olá!
Retiro um pouco de tempo àquilo que estava a fazer apenas para esclarecer que quando escrevi "compromissos académicos incontornáveis" nem de longe me referia a tarefas profissionais, quaisquer que sejam elas.
Os compromissos referidos são efectivamente académicos (realização de trabalho para uma componente disciplinar de um complemento de formação que estou a fazer) e são resolvidos após as 35 horas semanais a que estou obrigado a cumprir no âmbito da minha profissão (logo terem implicação no tempo disponível para outras tarefas não profissionais, como actualizar o blog).
Para já, e dado que o tempo é manifestamente escasso para o leque de tarefas (não profissionais) que tenho, fico por aqui.

Anónimo,  27/3/06 21:50  

A Escola nos costumes

"Cada uma criança que se ensina a ler é mais um homem de bem que se consegue obter..."
........................................
Vitor Hugo.

Mostrar, num mero
Exemplo, quero
Da escola o munto
Que influe...No assunto.

- Era em Agosto,
Em tarde amena,
Quase ao sol posto.
-Certa pequena
Vinha da escola
P'rá sua aldeia,
Com a sacola
Dos livros cheia...
Cheia, não digo...
Talvez meada...
Mas não há p'rigo,
Que não tem nada...
Quem ler desculpa
O termo acima
Porquanto a culpa
Fora da rima...
E minha?...Embora!
Não o contesto;
Contudo, agora
Vamos ao resto.


Vinha pensando
Pelo caminho,
E o chão olhando,
Com um bichinho
Ela depara,
Que, se o não via,
Se não depara
O pisaria!
Se não repara
Não direi bem:
Se,(ó coisa rara!...)
Pena não tem...
Se,com cautela
Não se desvia;
Pois quizesse ela
Que o pisaria!

Não era insecto
De mau "arguído",
P'ra ser abjecto
Ou perseguido;
Mas em geral
A criançada
De natural
É endiabrada...
E a escola é ouro
Civilização:
Dá-lhe um tesouro
De educação...
Sempre, está visto,
Que o professor
É como Cristo,
U' educador.
Suma influência
Tem no civismo...
Sem prepotencia
Com altruísmo!
Qual perceptor
Exparge, a flux.
Cheios de amor
Fachos de luz...
E não só ele
Como a leitura...
Tem tal papel
Na criatura.
_______

Esta, ao 'studar
Na escola, um dia
Viu que matar
Se não devia...

Ora é caso
Do tal insecto...
Se, por acaso
Pelo trajecto
Pisa a direito...
E não se importa
Ela, co'efeito
Ficava morta
(Ela,a formiga
'Stá bem de ver
Que a rapariga
Não pode ser).


Já'gora aqui
Vou dizer tudo,
Tudo o que vi
Ao vir do estudo
Esta pequena
(Chamada Alice):
Foi dada a scena
Como já disse
No mês de Agosto
E que ocorrera
Quase ao sol-posto
A jovem, que era
De todo amiga
Dos animais
Á tal formiga
Fez inda mais:
Um importante
Serviço presta,
Vendo-a rojante,
Em vida honesta:
- C'um grão a braços
Viu que lutava
E que ele a espaços
Se lhe escapava,
Que fez então?
Agarra nela,
Formiga e grão,
E com cautela,
Ambos coloca,
Bem longe ainda,
Ao pé da toca...

Angra 1914- A. Pinto

Anónimo,  28/3/06 13:15  

Caro Zé:
"compromissos académicos incontornáveis" - é óbvio que não me referia a ti. Pois se alguém dignifica esta profissão e dela é um exemplo, és tu com a maior das certezas.
Mas factos são factos. Há colegas nossos que já estão a fazer as malas e que pouco mais têm que fazer em relação ao que atrás foi dito. Resta-me desejar-lhes Boa Viagem!
Se sou professora ou professor, isso pouco importa. O que é verdade, e quem lê este blog sabe disso, é que as férias para muitos colegas já começaram. Só falta mesmo embarcar!
"A realidade é sempre mais convicente do que a palavra!" - e contra factos...
Os meus cumprimentos e Boa Sorte para o teu complemento de formação, Zé Almeida.

Anónimo,  28/3/06 21:03  

A Anunciação, o Ludgero, o Amador e o Alexandre desejam aos profs q a sata os pegue.

Anónimo,  29/3/06 21:48  

Boa viagem p'ra os profes. Já sabemos q vamos ter boas notas! Contamos com isso.
Ah! ñ esqueçam de meterem baixa...assim ficam mais uns dias por lá...
Vitorino e o Bertolo.

Anónimo,  3/4/06 18:27  

Acompanhados pelos professores o grupo de alunos da ilha de S. Miguel aprveitam este blog para manifestarem a maneira como foram recebidos nos Biscoitos,
Gavião, Francisco de Paula, Benedito e o Ricardo. Muito Obrigado.

Anónimo,  4/4/06 14:10  

Embora com "ausência temporária", gostei de ler as notícias e os comentários. Também muito interessante a vossa apreciação(comentários) aos comentários dos visitantes.Voltarei!


Isidoro

Anónimo,  10/4/06 14:54  

Vamos agora de abalada ter com as nossas famílias.Desejam boas férias e tb um óptima Páscoa ao pessoal amigo e professores fixes a malta do 6.º:
Vicente Ferrer,
Marcelino,Epifanio,Amâncio,Maria Cleófa e o Ezequiel.

Miguel Batista 11/4/06 18:18  

Olá!!!Antes de mais gostava de lhe dar os Parabéns pelo magnifico blog que aqui tem dedicado aos Biscoitos..Sou um Biscoitense e não deixei de reparar que tinha posto o site do meu blog(Cemitério do Grave Digger)gostava que actualiza-se pois já não é aquele endereço mas sim este: http://spaces.msn.com/miguibiscoitos/...Este espaço contém Fotos da nossa ilha Terceira e claro nelas incluidas Fotos dos Biscoitos..Vou voltar aqui mais vezes pois adorei...

Xaus Miguel

illuminata 12/4/06 18:19  

Uns profs vão mais cedo e outros vêm mais tarde. É a vida...

Anónimo,  13/4/06 09:21  

Isso é verdade, cara iluminata! "Há mar e mar, há ir e voltar", já dizia o "Onil". Mas com os prfs é ir e vir-se, não concorda. Bejufas, sua desaparecida.

ilhas 14/4/06 12:38  

Caro josé aurélio
uma boa páscoa para ti e toda a familia

José Aurélio Almeida 19/7/06 19:54  

Caros Rodrigo,Florência, Matilde, Longuinhos,Ciríaco,Patrício, Gabriel, Gertrudes,Narciso, José, Martinho, Bento e o Agapito:
Agradecemos a vossa visita e retribuímos os simpáticos cumprimentos.

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:11  

Caro Anónimo - 27/3/06 21:50:
De Vítor Hugo e A. Pinto duas citações muito interessantes, que agradecemos.
Em relação ao primeiro podemos referir que a cultura, apesar de isolada não garantir qualquer bom resultado, será um grande contributo para o desenvolvimento pessoal e social.
O poema é um riquíssimo relato que coloca no centro da atenção a repetida questão sobre o papel da escola: apenas instruir ou sobretudo educar.
Sobre este dilema podemos adiantar que a resposta não é fácil nem directa. Se por um lado a ideia de instrução parece redutora, por outro sabemos que será extremamente improvável que só um dos agentes sociais, a escola, consiga obter sucessos eficazes na formação integral e educação de uma pessoa.
Actualmente, entre nós, as tendências educativas indicam o desenvolvimento de competências como a finalidade escolar máxima: contribuir para que as crianças e os jovens sejam capazes de...
Mas desta ambição para o âmago do desenvolvimento harmonioso, equilibrado e sadio do ser humano ainda existirá, decerto, uma distância considerável,
Acreditamos que o processo educativo só se cumpre com o contributo, responsável e se possível coordenado, de múltiplos agentes sociais, estando entre eles, e numa primeira linha, a família e a escola. Contudo, muitos outros auxílios podem e devem surgir.
Já agora, pode-nos descortinar algo mais sobre quem é A. Pinto?

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:13  

Caro Anónimo - 28/3/06 13:15:
Agradecemos os comentários, os cumprimentos e os desejos de boa sorte.

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:17  

Caros Anunciação, Ludgero, Amador e Alexandre:
Temos a certexa que esse vosso desejo é compartilhado por muitos docentes. Contudo alguns preferem que seja a tap a pegar-lhes.
Outros há que apreciam a solidez do solo e a mística da(s) ilhas(s).

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:18  

Caros Vitorino e Bertolo:
A confiança no sucesso individual é fundamental para o concretizar desse mesmo sucesso. Contudo por si só não basta...

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:20  

Caros Gavião, Francisco de Paula, Benedito e Ricardo:
Estejam sempre à vontade para aproveitarem este blog.

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:21  

Caro Isidoro:
Ficamos satisfeitos pelo seu agrado.
Cá o esperamos.

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:22  

Caros Vicente Ferrer,
Marcelino,Epifanio,Amâncio,Maria Cleófa e o Ezequiel:

Boas férias para vós.

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:25  

Caro Miguel:
Agradecemos as tuas simpáticas palavras e informamos que o teu novo espaço cibernético já está referenciado na nossa barra lateral. Aproveitamos para te felicitar pela criação/manutenção desses sítios.
Volta sempre.

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:27  

Cara Illuminata e Anónimo:
A vida de muitos professores é um autêntico rodopio, pelo menos nos primeiros anos de serviço.
São autênticos piões/peões neste jogo da educação.

José Aurélio Almeida 19/7/06 20:28  

Caro Ilhas:
Agradecemos os desejos que manifestou.

Biscoitos, Praia da Vitória, Ilha Terceira, Açores, Portugal

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP