segunda-feira, 12 de junho de 2006

EBI dinamiza biblioteca


Segundo noticiou o site Azores Digital (14/Março/2006) a "Escola Básica Integrada dos Biscoitos viu aprovado, pela Fundação Calouste Gulbenkian, um projecto que visa dinamizar a biblioteca da escola como centro de recursos, criando interacção entre a informação que pode lá ser recolhida e o que o aluno pode construir ao apropriar-se dela. Este projecto intitula-se "Da Biblioteca para o Mundo...Um Mês, Um Tema!", contemplando em cada mês temas diversificados que abrangem várias áreas do saber."
Segundo se pode ler num
relatório pormenorizado de progresso do projecto, "... desde Novembro de 2005 a Fevereiro de 2006 (...) abordaram-se os temas constantes do projecto, nomeadamente: cidadania, solidariedade, ciência e saúde." Esta temáticas foram trabalhadas visando "a dinamização da biblioteca enquanto espaço privilegiado de apropriação do saber, através de um processo de interacção com suportes que proporcionam esse saber, quer sejam livros, Cds, Dvds, internet, alunos, professores psicólogos e outros agentes da comunidade educativa."
De acordo com indicação do mesmo documento a temática de Março foi o teatro. As vindimas e a música são temas a abordar em Setembro e Outubro de 2006.

38 comentários:

Anónimo,  13/6/06 13:31  

Se um dos temas abordar for a Educação Sexual, já sei quem será a palestrante: Setôra Laranja e o pessoal fica todo bem servido.

Anónimo,  13/6/06 20:34  

O Mundo é um livro,cujos caracteres são para muita gente inlegíveis.


António

Anónimo,  14/6/06 09:50  

Se o tempo custa a passar e passas a vida a cuçar, chama o António, chama o António.

Tóni «El Abonado»

Anónimo,  14/6/06 11:01  

Usa a linguagem que quiseres; nunca poderás dizer senão o que és.

Anónimo,  14/6/06 12:37  

A instrução é um tesouro, de que o trabalho é a chave!
H.D.

Anónimo,  14/6/06 13:15  

Em péssimos terrenos, a semente da instrução produz venenos!

kacolina

Anónimo,  14/6/06 14:29  

«Quando não conseguimos encontrar tranquilidade dentro de nós mesmos, de nada serve procurá-la noutro lugar.»

VaKolina

Anónimo,  14/6/06 17:59  

Quando a instrução for tudo, que será o nascimento?

Anónimo,  14/6/06 18:05  

Nunca falta força a quem sobeja inteligência, a ignorância é que é fraca e impotente.
Concordo sonsigo.
Penso que há quatro cruzamentos de pensamentos.

Anónimo,  16/6/06 12:45  

Quando apontares com um dedo, lembra-te de que outros três dedos teus apontam para ti.
A coisa mais difícil do mundo é conhecermo-nos a nós mesmos, e o mais fácil é falar mal dos outros.
Para falar ao vento bastam quatro palavras; para falar ao coração são necessárias obras.
Aquele que se domina a si mesmo irradia de todo o seu ser tal ascendente, que sem esforço dissipa todas as dúvidas dos que estão à sua volta.
Ouro, prata, jóias...Terra, montões de esterco.
- Gozos, prazeres sensuais, satisfação dos apetites...Como uma besta, como um mulo, como um porco, como um galo, como um touro.
Honras, distinções, títulos...Balões de ar, inchaços de soberba, mentiras, nada.

Anónimo,  16/6/06 21:12  

eu ñ te disse. Temos novamente toirada!

Anónimo,  16/6/06 22:11  

Sem dúvida!
«O Mundo é mar, a ambição é sede.
Não me espanto que o ambicioso se não sacie com os bens do mundo, porque a água salgada não apagou, antes acende as securas. Impossível é apagar, bebendo, a sede que nasce de beber, e satisfazer, possuindo, a cobiça que nasce de possuir.»
(Pe. M. Bermudes).

Anónimo,  18/6/06 22:15  

Sei de cor tudo o que queria.
Numa palavra diria ....
Mor, sei-te de cor.
Cuidado com as maradinhas da vaca das cordas. Boas toiradas.

Me aguarde na Calheta entre as 21h e as 22h soutoido seu. Na vá com verdelho que isso levo eu.

Anónimo,  18/6/06 22:49  

«Um objecto, mesmo que não tenha sido adquirido por meio de roubo, deve ser no entanto considerado furtado se o possuímos sem dele precisarmos.»

Mahatma Gandhi

Anónimo,  19/6/06 23:46  

E com cores parelhas
De fitas o encheu até ás orelhas;
E vendo o touro tanta fitaria,
Por se ver tão galante endoidecia;
E eu lhe disse com brio
Vai-te, toiro,pôr tenda no rossi.

Anónimo,  20/6/06 13:36  

E ele a cobriu como tantas vezes o fez! Por ventura até nem estranhou, habituava que estava a dar garraiada! Pela estepe, iniciava ao desvario a etapa falónica. Sonhava um dia poder pisar o horizonte e por ali, no soluço da mamada,delirava com o musculato dos bizontes da manada!
Um dia se finou, ficando a saudade de tantas e tantas vezes se ter aberto aos lazeres da estepe migrante.

in La vache qui rit

Anónimo,  20/6/06 17:30  

Futa que o (a) Faril. Trocaram o p pelo f e nem me avisaram!

Anónimo,  21/6/06 13:23  

«Um objecto abjecto, mesmo que não tenha sido adquirido por meio de roubo, deve ser no entanto considerado furtado se o possuírmos sem dele precisarmos.»

Mamada Bobó Gandhi

Anónimo,  21/6/06 13:32  

"Da Biblioteca para o Mundo...Um Mês, Um Tema!"
Se um dos temas abordar for a Educação Sexual, já sei quem será a palestrante: Setôra Laranja e o pessoal fica todo bem servido.

Com o patrocínio de Batidos Puleva

"CRESCER... SEM LIMITES..." 24/6/06 20:37  

Parabéns à Escola Básica Integrada dos Biscoitos pela nova Biblioteca!
Desejo-vos "sucesso". Que as Crinças possam viver o mundo fantástico do sonho nesse espaço!

José Aurélio Almeida 11/8/06 21:22  

Caro Anonymous (13/6/06-13:31):
Parece conhecer bem as qualidades da "Sêtora" que refere...

José Aurélio Almeida 11/8/06 21:24  

Caro António:
Efectivamente o mundo é de tal forma complexo que a sua compreensão é de difícil alcance.

José Aurélio Almeida 11/8/06 21:26  

Caro Tóni:
Não sei porquê, mas soa a pimba... (com todo o respeito por esse estilo de música e até de vida).

José Aurélio Almeida 11/8/06 21:27  

Caro Anonymous (14/6/06 11:01):
Ora aí está...

José Aurélio Almeida 11/8/06 21:39  

Caros H.D., Kacolina e Anónimo (14/6/06 17:59):
Será que temos aqui um dilema sobre o que será essencial: o processo ambiental de construção pessoal pelas vivências (entendível como "trabalho")ou a hereditariedade (o "terreno" ou "nascimento")?
Por nós acreditamos que "nem tanto ao mar, nem tanto à serra". Se a genética implica uma carga basilar, os consecutivos episódios de vida "moldam" sobremaneira a personalidade.
Daí a importância da instrução mas muito mais da educação. Dar/receber instruções é relativamente fácil; conseguir cumpri-las, com qualidade, já poderá ser mais difícil, principalmente quando implicam decisões e tarefas diversificadas; mais ainda quando a sua concretização depende do assumir ou rejeitar de certos e determinados "valores", sejam eles quais forem.
É interessante o acto de instruir; mas muito mais sublime o de educar.

José Aurélio Almeida 11/8/06 21:42  

Cara Vakolina:
A tranquilidade, como muitas outras coisas na vida, deve ser construída e não procurada.

José Aurélio Almeida 11/8/06 21:56  

Caro Anonymous (14/6/06 18:05):
Sobre a força da inteligência David (no combate com Golias) será um exemplo.

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:01  

Caro Anónimo(16/6/06 21:12):
Toirada... e das grandes!

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:05  

Caro Anónimo(16/6/06 22:11):
A ambição, ao contrário da sede natural de água cristalina, deve ser muito bem regrada para não "afogar" quem a sente.

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:10  

Caro Anónimo (16/6/06 12:45):
Lá está novamente a inteligência que se deve antecipar à acção impulsiva (a primeira é reflexiva, a segunda reactiva).

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:11  

Caro Anónimo (18/6/06 22:15):
O verdelho é sempre uma boa companhia.

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:13  

Caro Anónimo (18/6/06 22:49):
Que pena que este pensamento de Mahatma Gandhi não esteja transformado em princípio universal de conduta.

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:15  

Caro Anónimo (19/6/06 23:46):
Será que as fitas que o touro levava até às orelhas eram de cores variadas e complementadas com boninas amarelas.

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:18  

Caro Anónimo (20/6/06 13:36):
Nasceu, mamou e certo dia se finou.
É o destino certo dos seres mamíferos.

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:20  

Caro Anónimo (20/6/06 17:30):
Para que não sinta a sensação de vazio, fazemos nós o aviso para que tenha cuidado com as "trocas e baldrocas".
Agradecemos.

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:24  

Caro Anónimo (21/6/06 13:23):
O termo que acrescentou à frase levou-nos até ao blog http://objecto-abjecto.blogspot.com/.
Infelizmente parece que sem grande produção...

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:25  

Caro Anónimo (21/6/06 13:32):
Desta vez soa a repetição ou eco...

José Aurélio Almeida 11/8/06 22:28  

Cara Crescer... Sem limites...:
Que também na EB1/JI do Monte de Caparica N.º1 as crianças cresçam sem limites. Parabéns pelo vosso projecto (http://crescersemlimites.blogspot.com).

Biscoitos, Praia da Vitória, Ilha Terceira, Açores, Portugal

  © Blogger templates The Professional Template by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP